Nossa história no Brasil

Home/Quem Somos/Nossa história no Brasil
Nossa história no Brasil 2017-02-14T09:07:03+00:00

No Brasil, a Congregação chegou em 1902, fundando o tradicional Colégio Des Oiseaux no bairro da Consolação, na cidade de São Paulo, que obteve uma trajetória de prestígio na primeira metade do século 20.

No mesmo período, a Congregação assumiu a missão de abrir um colégio semelhante no litoral, na cidade de Santos. Assim, foi comprada a chamada “Casa da Torre”, em setembro de 1923, e as Madres se estabeleceram lá em 1924, com a inauguração do Colégio Stella Maris.

Em 25 de fevereiro iniciaram-se as aulas com 30 alunas matriculadas. Até os dias atuais, com uma concepção humanista de educação, o Colégio Stella Maris se empenha em garantir a excelência do ensino, bem como despertar nos alunos valores como a verdade, justiça, liberdade, respeito e a solidariedade.

De volta à capital paulista, a demanda crescente do Des Oiseaux levou as irmãs à construção de um novo estabelecimento. Surgia, assim, em 25 de abril de 1951, o terceiro Colégio da Congregação: o Externato Madre Alix. Projetado pelo arquiteto Carlos Gomes Cardim e construído pelo escritório do engenheiro Arnaldo Maia Lello, o belo edifício integrava-se à então bucólica paisagem do Jardim Paulistano, longe do burburinho do centro urbano.

O Externato abriu as portas atendendo a 380 alunas, com idades entre 6 e 10 anos. Em prédio anexo funcionava a Escola Nazaré, com outras 184 crianças – a cada novo empreendimento educacional, a Congregação se comprometia a abrir um correspondente estabelecimento de ensino gratuito, para atender as famílias menos favorecidas economicamente.

A inauguração oficial das instalações do Madre Alix aconteceu em 28 de agosto de 1951 (Dia de Santo Agostinho), com celebração de missa festiva pelo Bispo Auxiliar de São Paulo, Dom Paulo Rolim Loureiro.

Desde então, acompanhando o desenvolvimento da cidade e as demandas da população, a escola aos poucos teve seu espaço físico ampliado, assumindo novas atribuições. O ano de 1960 assinalou o início das classes de nível ginasial (atual Ensino Fundamental II, de 6º ao 9º ano). Dez anos depois, em sintonia com os movimentos de modernização pedagógica, veio a adoção de classes mistas.

Em 1964, uma nova escola das Cônegas foi inaugurada no bairro do Morumbi – o então Externato e Semi-Internato Nossa Senhora do Morumbi. Com uma proposta pedagógica inovadora, até os dias atuais, o Colégio sempre acreditou na valorização do indivíduo como ser transformador e criativo.